Monday, 8 September 2008

ONU afirma que não deixará sozinha polícia do Timor Leste


PRESIDENTE DE TIMOR-LESTE CHEGOU A HAVANA
"Cumprimento-os pelo esforço para proteger as vidas humanas"


O presidente Ramos Horta foi recebido
no aeroporto pelo membro do Bureau
Político e ministro da Saúde Pública,
José Ramón Balaguer

• "TRAGO a amizade e a solidariedade neste momento tão difícil para o povo cubano, que sempre nos apoiou em nossa luta pela independência e pela autodeterminação", expressou o presidente da República Democrática do Timor-Leste, José Ramos Horta.

Ao chegar a Havana ontem, à tarde, o presidente afirmou que apesar de seu povo ainda ser muito pobre, também vai ajudar Cuba em sua recuperação, depois do açoite do furacão Gustav.

"Cumprimento-os pelo esforço para proteger as vidas humanas. Não houve uma só morte, quando noutros lugares as perdas seriam de centenas", destacou.

Ramos Horta, que cumprimenta um convite oficial do presidente dos Conselhos de Estado e de Ministros, general-de-exército, Raúl Castro, foi recebido pelo membro do Bureau Político do Partido e ministro da Saúde Pública, José Ramón Balaguer Cabrera.

No diálgo com o ministro cubano, expressou que os médicos cubanos são verdadeiros missionários da paz em seu país e, neste contexto, destacou a colaboração da Ilha no setor da educação, prognosticando que esta cooperação vai estender-se a outros setores, entre eles, o da energia alternativa e o esporte.

Durante sua estada em Cuba, até 9 de setembro próximo, o presidente timorense terá conversações oficiais com o presidente dos Conselhos de Estado e de Ministros e será recebido por outros dirigentes, além de visitar lugares de interesse econômico, histórico e cultural. (Arnaldo Musa) •

1 comment:

Camila.Haase said...
This comment has been removed by the author.